Pagamento por aproximação: dicas para você se proteger de golpes.

Você já deve saber que os cartões de crédito e débito possuem uma nova modalidade de pagamento, que é a aproximação, novidade que já está sendo utilizada pela maioria dos brasileiros, é uma das modalidades de pagamento que mais cresce no Brasil, apenas atrás do Pix. O número de operações feitas por aproximação aumentaram 8 vezes entre 2021 e 2022. 

Mas para se beneficiar dessas transações mais rápidas é preciso tomar alguns cuidados.

O pagamento por aproximação é uma facilidade a mais oferecida pelos bancos e fintechs para facilitar nossa vida no momento de realizar uma compra usando um cartão, seja ele de débito ou crédito. Os cartões que possuem a funcionalidade de aproximação tem um chip que funciona através de ondas eletromagnéticas, bastando aproximá-lo da maquininha para que o pagamento seja concluído, e na maioria das operações sem a necessidade de digitar uma senha.

O pagamento por aproximação faz com que as transações sejam mais dinâmicas e rápidas, e hoje em dia sabemos que a demora é um pesar para nós, cidadãos, assim muitas vezes esquecemos de conferir o valor antes de efetuar o pagamento. É ou não é verdade? 

Dobre a sua atenção nesta etapa! Quando usamos a senha para confirmar o pagamento, temos a oportunidade de conferir o valor da compra, pois o valor aparece o tempo todo na tela da maquininha. Mas nas transações por aproximação, na maioria das vezes a maquininha não pede para digitarmos a senha, o que acaba ocasionando a desatenção em conferir o valor, o ideal é solicitar sempre a via impressa para uma conferência futura.

Mas, a pergunta que não quer calar: é seguro pagar com essa modalidade de aproximação? Sim! Mas é necessário seguir algumas dicas de segurança:

  • Confira o valor antes de confirmar a transação.
  • Fique de olho na distância entre o cartão e a maquininha (o pagamento pode ser feito em uma distância de até 4 cm entre o cartão e a maquininha).
  • Acompanhe o extrato das suas transações.
  • Ative as notificações do aplicativo do banco.

Agora, se você tomou todos os cuidados acima, mas, mesmo assim, foi vítima de alguma fraude envolvendo compras por aproximação, o primeiro passo é registrar um Boletim de Ocorrência junto à delegacia de polícia. Inclusive, o comunicado à polícia deve ser feito também quando você perceber o desaparecimento do cartão seja por qual motivo for. 

Em seguida, procure se comunicar imediatamente com o seu banco pedindo o bloqueio imediato do cartão e solicite a devolução (estorno) do valor. Se houver negativa, o ideal é procurar os órgãos de defesa do consumidor, como o Procon e em último recurso é a Justiça. 

Normalmente para a sua segurança seu cartão será cancelado imediatamente pelo banco e você receberá uma nova via em até 15 dias úteis. 

Lembrando que se você não quiser correr o risco e preferir os meios antigos, é possível desativar a modalidade por aproximação. Sim! A modalidade de pagamento por aproximação pode ser cancelada a qualquer momento, bastando, para isso, solicitar à sua instituição bancária que o serviço seja desabilitado.

Por Vitória Ribeiro

Estagiária de Direito.

FONTE: https://www.bancopan.com.br/blog/publicacoes/cartao-por-aproximacao-quais-sao-as-vantagens-e-riscos.htm#:~:text=Cart%C3%A3o%20por%20aproxima%C3%A7%C3%A3o%20%C3%A9%20o,%2Dlo%20ou%20desliz%C3%A1%2Dlo.



Celular protegido: como deixar seus dados mais seguros

Só de pensar em ter nosso celular nas mãos de outra pessoa já nos causa uma certa estranheza, não é mesmo?

Hoje em dia todas as nossas informações estão em nossos celulares, contas bancárias, fotos pessoais, senhas, e-mails, arquivos etc. E deixar esses dados protegidos é o que mais prezamos, afinal, ninguém gostaria de ter sua privacidade invadida. Por isso, aqui vão algumas dicas que podem ser utilizadas para deixar os celulares mais seguros.

  1. Somente baixe aplicativos pelas lojas oficiais (play store e app store), nunca em sites ou plataformas de terceiros.
  2. Somente ative o Bluetooth e o NFC (transferência de dados por aproximação) enquanto estiver utilizando essas ferramentas, alguns hackers conseguem acessar arquivos e informações por essa funcionalidade .
  3. Bloqueie a permissão de preenchimento automático de códigos de verificação que chegam por SMS, pois existem algumas estratégias de hackers para tentar roubar esses códigos. Vá em Configurações > Google > Preenchimento automático > Desabilitar função.
  4. Além disso, vale a pena esconder a pré-visualização de mensagens nas notificações, em especial quando a tela está bloqueada, isso pode ser o suficiente para revelar um código de verificação.
  5. Por fim, restrinja o acesso de aplicativos à sua câmera e microfone, muitos aplicativos solicitam esse tipo de acesso mesmo sem precisar deles para funcionar, você pode verificar essas permissões em Privacidade > Gerenciar permissões (celular android) ou Ajustes (iphone) > Câmera/microfone.

Quer mais dicas de como proteger sua privacidade? Acompanhe nossos conteúdos, aqui sempre trazemos informações sobre assuntos que envolvem proteção de dados.

Por Vitória Ribeiro

Estagiária de Direito.